Acessibilidade


O direito à acessibilidade para as pessoas com deficiência é fundamental para os direitos humanos, e para o exercício da cidadania, garantindo assim o direito constitucional de igualdade de oportunidades de acesso às informações para todos. Portanto, o Comitê Brasileiro de Clubes segue as recomendações de acessibilidade indicadas para a web.
Por favor, ajuste suas preferências
Verifique se as suas preferências estão ajustadas.
Cores Originais
Alto Contraste
Recursos da Acessibilidade
O Rybená – tradutor de Libras e Voz é uma solução de acessibilidade que usa uma tecnologia de ponta e totalmente nacional. O software possibilita a tradução de textos em português para a Língua de Sinais Brasileira (Libras), além de converter a escrita em português para o idioma falado. Essa ferramenta permite a acessibilidade assistida que facilitará o acesso às informações.

COMO FUNCIONA
  1. Clique nas mãos e/ou rosto (lado esquerdo da página).
  2. Selecione o texto que deseja traduzir.
  3. Aguarde e veja a tradução.
Modais (imagens ou textos que aparecem sobrepostos ao conteúdo do site) e Flash não são utilizados, pois suas características impossibilitam o acesso dessa parte do conteúdo a deficientes visuais. Navegação via teclado, através de teclas de atalho, para que o usuário não precise buscar pelos botões de navegação na tela, podendo concentrar-se apenas na informação.

O menu invisível é o primeiro item de navegação da pessoa com deficiência, possibilitando a esta percorrer as páginas de forma mais objetiva, direcionando-a às áreas de topo, menu e rodapé. Todas as imagens são acompanhadas por uma descrição, garantindo a compreensão do que está sendo retratado.
Aumente ou diminua a fonte
-
+
O usuário também pode utilizar a ferramenta de aumento e diminuição de fonte do próprio browser:

Pressione Ctrl + para aumentar o tamanho da fonte;
Pressione Ctrl - para diminuir o tamanho da fonte;
Pressione Ctrl 0 para que a fonte retorne ao tamanho original.
Cancelar
OK
ou
CBC

Ações Conjuntas

Página Inicial - O CBC - Sobre o CBC - Ações Conjuntas

Autoridade de Governança do Legado Olímpico do Ministério do Esporte - AGLO/ME

Em fevereiro de 2017, o CBC e o Ministério do Esporte assinaram acordo de cooperação com foco na melhor utilização das instalações do Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro/RJ. O documento tem como objetivo elaborar um estudo com vistas à adequação e melhor utilização das instalações esportivas do local, a fim de estimular o desenvolvimento do esporte de alto rendimento e do esporte educacional no Parque Olímpico, integrando-o à Rede Nacional de Treinamento. Essa rede - da qual as instalações olímpicas do parque já fazem parte - promove o desenvolvimento local e regional de talentos e novos atletas, em coordenação com o Comitê Olímpico do Brasil - COB e o Comitê Paralímpico Brasileiro - CPB, além de centros regionais e locais. Já o CBC tem como objetivo social o incentivo, a promoção, o planejamento e o aprimoramento das atividades de formação de atletas olímpicos e paralímpicos dentro do Sistema Nacional do Desporto.

Confederação Nacional dos Clubes - FENACLUBES

Ainda no início de 2017, foi ratificado do Termo de Parceria e Cooperação entre a Confederação Nacional dos Clubes - FENACLUBES e o CBC. O instrumento vista estabelecer e regulamentar a promoção conjunta de ações e programas de cooperação consubstanciados em atividades que possam envolver áreas de interesse mútuo entre as duas organizações, na realização de eventos de capacitação e outros, destacadamente o Congresso Brasileiro de Clubes, que visam estimular e ampliar o interesse dos clubes sociais esportivos na formação de atletas olímpicos e paralímpicos, e na organização por parte da FENACLUBES do Conselho Interclubes - CI.

Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem do Ministério do Esporte - ABCD/ME

No final de 2016, o Comitê Brasileiro de Clubes - CBC assinou um acordo de cooperação com a Autoridade Brasileira de Controle Antidopagem (ABCD/ME) para divulgar entre os clubes nacionais, por meio de ações conjuntas, ações educativas e de prevenção que visem à erradicação da dopagem no esporte brasileiro. Para o Secretário Nacional da ABCD, Rogério Sampaio, o acordo de cooperação é um grande avanço: "A possibilidade de atuar de forma preventiva e educacional nas mais variadas faixas etárias, em conjunto com os clubes, diminuirá consideravelmente o uso do doping nas mais variadas modalidades esportivas hoje em prática no Brasil. Estou muito contente com a parceria com o CBC e tenho certeza de que os clubes brasileiros também estão". O documento foi assinado durante o 2º Seminário Nacional de Formação Esportiva, promovido pelo CBC no dia 24 de novembro, na cidade de Indaiatuba (SP), na presença do secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, Luiz Lima, e de representantes dos Comitês Olímpico e Paralímpico, bem como gestores de clubes formadores de atletas e da Confederação Brasileira de Voleibol representando as Confederações e Federações.

Comitê Paralímpico Brasileiro - CPB

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e o CBC anunciaram no dia 13 de novembro de 2015 um termo de cooperação para apoiar e desenvolver a formação de atletas para que cheguem ao alto rendimento do esporte paralímpico. A assinatura do termo de parceria foi feita no Congresso Nacional de Clubes. A finalidade da parceria é proporcionar recursos que cheguem à base da estrutura esportiva paralímpica, os clubes, por meio de dois projetos: Clube Formador Paralímpico e Clube Equipar Paralímpico. O Clube Formador Paralímpico consiste em investimentos em atletas e profissionais do esporte por meio de competições, treinamentos e capacitação.



Fotos




CBC
Campinas/SP: R. Açaí, 566 - Bairro das Palmeiras - CEP: 13092-587 - (19) 3794-3750
Brasília/DF: SBN Qd.02 Bloco F, Lt. 12, Sala 1503 - Ed. Via Capital - CEP: 70040-020 - (61) 2099-2600